Cliente 22 – “O Tarado”

Acabei me atrasando para encontrar esse cliente pois a estava um caos! –‘ Consegui entrar no metrô lotado quando a porta apitou e abriu novamente, sou bem magrinha então consegui me encaixar, mas minha bolsa enorme estava atrapalhando a porta a fechar e ouvi um velho que devia estar com uma grande falta de sexo fungar para mim, porquê não tive a paciência de esperar o próximo. Falei em voz alta: “desculpa gente, mas estou super atrasada” um moreno que estava ao meu lado assentiu com a cabeça demonstrando compreensão. Entretanto quando o metrô parou na próxima estação e desci para dar espaço a quem queria descer, ao entrar de novo uma mulher afobada (assim como eu fui) entrou no último instante derrubando minha blusa de frio no chão entre a porta e a plataforma! Por sorte não caiu no vão, mas bem nesse momento a porta apitou, e quando abaixei para pegar já estava fechando e prendeu novamente a minha bolsa! –‘ De novo o velho fungou, aposto que queria me jogar para fora do vagão! Hahaha, o moreno que ainda estava ao meu lado em compensação deve ter visto que não foi culpa minha e me ajudou a puxar minha bolsa! Que situação! –‘ Olhei para ele e agradeci com aquele olhar de desamparada e quase falei pro velho que ele precisava gozar um pouco! Rs.

Finalmente cheguei no hotel toda afobada pelo atraso. Quarto 165. Bati na porta e quando ele abriu, quase precisei olhar para o teto para poder ver seu rosto de tão alto que era! Hahaha estou exagerando, mas ele era alto mesmo, o cliente mais alto que já atendi (até o momento) 1,90 de muita gostosura! :p  Já estava nu, somente de toalha enrolada na cintura. Bonito (como já esperava pela foto do whats). Comecei a me desculpar pelo atraso (já tinha o avisado por mensagem que iria me atrasar) e ele perguntou se estava trânsito, expliquei que tinha ido de metrô, e que a mesmo que estava lotada, estava falando até que de repente, assim que coloquei minhas coisas na mesa (bolsa, caderno e blusa de frio) ele me pegou desprevenida e me deu o maior beijão! Aqueles feitos para silenciar a pessoa. Delicioso! Me beijou até me deixar sem fôlego e foi me encaminhando para a cama, deitando por cima de mim sem interromper o beijo, cheio de atitude! Me beijava com gosto e sem descanso, começou a beijar meu pescoço, dizendo que eu estava cheirosa e ficava alternando entre minha boca e meu pescoço, uma sensualidade sem igual! Após um tempo me devorando daquela forma por cima de mim, girou meu corpo para que eu ficasse em cima dele e começou a levantar meu vestido, o tirei de uma vez nesse momento. Assim que tirei o vestido abaixei para beijá-lo novamente e suas mãos já foram direto para o fecho do meu sutien, assim que libertou meus seios, começou a chupá-los com muita vontade, chupava muito gostoso. Alternava agora entre meus seios, boca e pescoço, uma delícia! Ele se preocupava em me satisfazer de uma forma que demorei a começar a chupá-lo pois não parava de me beijar toda! Devo admitir que não chupei suas bolas pois estavam cabeludas rs, então passei a língua no seu pau, fiz bastante graça antes de fato enfiá-lo na minha boca. O chupei por um tempo e não aguentei ficar só olhando para sua cara de tesão e voltei a te beijar que me recebeu de uma forma como se quisesse meu beijo mais que tudo naquele momento. Muito fogoso! Comecei a pedir que me fodesse logo, pois estava em ponto de bala e queria senti-lo dentro de mim! Ele ficava me provocando passando seu pau na minha xana mas não me atendeu de imediato, realmente sabia seduzir! Quando finalmente se rendeu aos pedidos, me comeu no papai e mamãe, ele tinha um jeito único que gostei, pois sempre que eu passava a mão em seu rosto durante a foda ele virava o rosto e beijava minha mão, uma doçura! Após um tempo razoável me comendo naquela posição, gozou. Conversamos brevemente na cama enquanto ele se recuperava e logo fomos para o chuveiro. Me roubou alguns beijos durante o banho e quando voltamos para a cama começamos tudo de novo! Fiquei até impressionada com a sua disposição! Trinta anos também, queria o quê?! Me chupou nos seios novamente, beijou muito meu pescoço e minha boca, muito delicioso e insaciável. Quando eu menos esperava ele pegou a camisinha e já estava colocando novamente, dessa vez pedi que me comesse no frango assado para que eu pudesse talvez gozar, como realmente gozei, não achei que ele fosse gozar de novo assim tão rápido, mas gozou poucos minutos depois de mim! (Adoroooo). Ele foi tomar um novo banho e como estava em cima da hora (já tínhamos estourado 10 min) apenas me limpei “lá” com meus lenços umedecidos que carrego comigo. O danadinho saiu do banho e já queria uma terceira! Hahahaha. Falei para ele que já estava atrasada pra faculdade e ele persistente veio passando a mão por baixo do meu vestido puxando minha calcinha! Mas se ele era insistente eu era mais! Falei que não, que tinha que ir pra aula. Ele relutante considerou minhas razões e fomos embora juntos até a recepção.

Um comentário em “Cliente 22 – “O Tarado”

Deixe uma resposta

You have to agree to the comment policy.