“O Cativante”

Querido diário…

Combinamos nosso encontro no hotel EZ Aclimação. Rapaz bem-apessoado, me surpreendeu que tivesse 37 anos, pois lhe dava menos de trinta com toda certeza! Assim que adentramos na sua suíte, nos beijamos e gentilmente ele colocou uma música para nós. Quando retomamos os beijos, pude sentir a ternura neles. Ahh, como eu curto quando o cliente também é carinhoso. Parece que os beijos ficam ainda mais saborosos.

Claro que um beijo urgente, carregado de desejo, também é bom, mas, nada como fazer as coisas com calma, quando você está conhecendo a pessoa. E de carinho ele entendia bem. Gostei do nosso envolvimento, ainda que ele não tivesse retribuído o sexo oral em mim. Como já citei aqui outras vezes, os clientes não possuem essa obrigação e super entendendo quando não rola. Não será isso que me fará gostar do cliente ou não.

Após alguns beijos profundos e lentos, fui despindo a sua calça e aos poucos desci para seu pau, que já estava rijo. O chupei por tempo indeterminado, até que me pedisse para sentar. Rapidamente peguei o preservativo na bolsa, encapei e fui sentando devagar. Após algum tempo cavalgando, trocamos para comigo de quatro e encerramos o primeiro round assim, com ele mandando ver até gozar.

Nosso intervalo foi breve. Ele se lavou, retornou, conversamos pouca coisa e então voltamos a nos beijar. Em pouco tempo eu estava de volta com o seu pau na minha boca. Dali para o segundo round foi um pulo. Após encapado, novamente fui por cima, só que desta vez aproveitei também. Liguei meu brinquedinho e fiquei subindo e descendo bem devagar, focada na vibração clitoriana.

Percebi que ele apreciou isso. Me assistir tendo prazer com o seu pau, auxiliada pela vibração do meu brinquedinho que poupava o trabalho dos meus dedos em me masturbar, foi algo que também lhe deu tesão (posso estar enganada, mas foi a impressão que tive). E eu não tive a menor pressa. Aproveitei cada segundo de prazer que aquele momento estava me proporcionando. Depois que gozei maravilhosamente, ele delicadamente me colocou de quatro outra vez e alcançou o seu ápice também. Foi uma ótima transa. E lá se foi o nosso tempo juntos de apenas 1h. Rápido, porém gostoso.

Um comentário em ““O Cativante”

Deixe uma resposta

You have to agree to the comment policy.