O Tarado do Tinder

Voltei para o Tinder!

Vira e mexe, quando me dá um siricutico, eu vou e crio uma nova conta. Depois, após algumas decepções, eu deleto a conta de novo. Não que eu espere encontrar o meu príncipe encantado lá (estatísticas apontam que apesar de improvável não é impossível), esse não é o meu objetivo (se acontecer, aconteceu).

Então o que estou buscando? Sei lá, conhecer gente nova? Um sexo casual quando não tiver cliente e quiser escolher ao invés de ser escolhida? Enfim, não me julguem.

Já tive demasiadas experiências engraçadas e interessantes derivadas do citado aplicativo e resolvi que sempre que aparecer algo fora do normal, engraçado ou muito interessante, irei compartilhar aqui. 😉

Criei um novo cadastro essa terça.

Selecionei cinco fotos minhas (atuais) que mais gosto, peguei um textinho do Google para colocar no “sobre mim” (prefiro escritos autorais, mas estava sem criatividade) e para fechar coloquei uma das músicas que tem na minha playlist “Músicas Sensuais” do Spotify. A propósito, se você ainda não conhece tal playlist, lhe apresento:

Voltando ao Tinder…

Em poucos minutos de likes já tive o meu primeiro match. “Hummm. Ele deve estar se empenhando aqui, foi o match mais rápido da história para uma conta recém criada”, pensei. E realmente ele estava. Desde o princípio tentando trazer o assunto para a putaria. Me esquivei no começo (não queria que tivesse uma ideia errada sobre mim), mas chegou uma hora que entrei no jogo. Acompanhem!

Sobre ele:

Rapaz barbudo (nenhum Bin Laden, uma barba charmosa e bem cuidada), cara de nerd.

Sua frase do sobre mim:

Wifi grátis aqui em casa! – achei engraçado e criativo.

Vamos ao diálogo:

-Olá linda. Como vai?

-Vou bem Fulano (o chamei pelo nome) e você? 🙂

-Tudo na paz. O que faz acordada aí? 3km é perto de mim. 🙂

-Estou procrastinando pra assistir uma série. E você? O que faz acordado a essa hora da noite, além de estar no Tinder? Rs.

-Tô deitado aqui no escuro kkk. – Começou com a primeira tentativa de trazer o assunto para a putaria.

-No escuro? Então já está quase dormindo… Vai acabar sonhando comigo hein rs. – Não resisti  dar uma provocada também rs.

-Nossa, nem me fala que já tô aqui sonhando acordado. 😛 – Sutil.

-Se sonhar, será missão obrigatória me contar como foi esse sonho depois. – Entrando no jogo dele aos pouquinhos.

-Talvez não possa pq vai que rola um sonho proibido kkk. – SAFADO!!

Nesse momento respondi com o emoji do macaquinho tampando os olhos envergonhado. E ele foi adiante:

-Sabe que minha imaginação é bem fértil. Então já viu né…

-Não sabia que sua imaginação era fértil. Me conta mais. – Instiguei.

-Bom seria se vc estivesse aqui, aí te contava de perto.

-Que rapidinho você, já está querendo me induzir a usar o seu wifi rs. – Brinquei.

-Eu estou sim. Com muito prazer. E você? Quer vc, usar tudo? – Já chamando na Xinxa.

-Quem sabe…

-Já fico excitado só de pensar.

-Que safadinho… gosto. – Incentivei.

-Caramba. Pena que você não pode ver por aqui. Me add no whatsapp. – Olha que safado já querendo me enviar uma foto do pinto!

Não gosto de receber nudes de estranhos que me contatam no intuito de um programa, mas, nesta situação fiquei curiosa em ver o pau dele. Deixei que migrássemos para o whatsapp. E ele já foi direto ao assunto:

-Você ficou curiosa pra ver como eu tô excitado só de imaginar você usando minha internet aqui?

-Fiquei sim muito curiosa. Só que não me interessa ver volume por cima de roupa rs. Se é que você me entende… rs. – Fui bastante ousada eu sei, precisava incentivar o boy a mostrar o pau logo.

-Mas eu vou querer ver também. Posso? – Esperto!

-Quem sabe.

-Quero ver também. – Insistiu.

-Você que chegou dizendo que queria mostrar rs. Só mostro ao vivo. – Fazendo a difícil.

-Quando?

Respondi com uma figurinha do Mickey andando e assoviando. Ou seja, desconversando. Daí o danadinho apelou e me enviou a foto do pênis dele… Achei um pau interessante, confesso, o ângulo estava favorável.

-Tá bom assim? – Ele perguntou depois da foto reveladora.

Respondi com uma figurinha sexy de uma boca passando a língua nos dentes.

-Quando você quer ver ele de perto? – E enviou uma outra foto do pau, com uma gotinha de baba saindo da cabeça, mais a seguinte legenda: “coloca sua boquinha aqui”. Se empolgou o rapaz.

-Uau. Já está assim sem eu ter mandado nada? – Indaguei.

-Já. Você viu como ele fica molhado? Tô imaginando você chegando por aquela porta e me pegando de jeito, sentando nesse pau pra me sentir todinho. Colocando ele todo na boca.

-Uma delicinha. Que mais? 

-Sentindo seu cheiro, seu gosto. Te abrindo toda. – Me abrindo toda?? Como assim?? Vai me deixar arrombada?? Kkkkk. Fiquei com vontade de perguntar. Ao invés disso, só disse:

-Que tesão.

-Você também é muito molhada?

-Sim. Meus dedos até escorregam quando estou me masturbando. – Dei corda pro boy.

-Quero ver isso!!! – Ele respondeu animado.

-Me pegaria de quatro também? – Continuei atiçando.

-Te colocaria de quatro e te chuparia inteira. Vou socar a língua nesse rabo e nessa buceta até você pedir meu pau. – Achei um pouco vulgar esse linguajar dele. Socar? Rabo? – Você gosta de anal também?

-Não.

-Mas socar a minha língua em você todinha eu posso?

-Deve.

-Vou te abrir toda só com a minha língua primeiro.

-Promessa é dívida hein.

-Com certeza! Quando gozar vou filmar pra você ver ele jorrando porra pra você. Aí você imagina ele gozando dentro de você.

-Pode filmar, vou adorar. – Obs.: Isso não quer dizer que estranhos podem me enviar esse tipo de vídeo, ok? Se enviarem serão bloqueados. – Vou sentar bem gostoso em você quando nos encontrarmos. – Dei aquela provocadinha básica.

-Vem amanhã.

-Vou me masturbar enquanto você tiver me comendo e vamos gozar juntos. Será uma delícia. – Meu momento de inspiração erótica rs.

-Vamos mesmo. Vou lavar essa buceta de porra. Posso? – Choquei com ele falando de sexo sem proteção fácil desse jeito.

-Quero ver você gozando no vídeo imaginando essa cena. – Desconversei.

-Vou filmar já já. Tô aqui batendo pra você. Você quer vir amanhã?

-Que horário?

-De manhã ou de noite. Quer vir antes das 11?

-De manhã não rola. A noite talvez.  – Menti.

Daí ele enviou o vídeo dele gozando. Um vídeo até que excitante, devo confessar.

-Imagina essa porra toda dentro de você amanhã. – Ele falou logo depois de enviar o vídeo.

-Nossa que jorrada deliciosaaaa. – Elogiei.

-Quero você.

-Também fiquei com vontade de você. Quero conferir esse pau pessoalmente e sentir ele. Vamos combinar sim, mas, amanhã meu dia está um pouco incerto, vamos nos falando no decorrer. Vai que você perde a vontade quando acordar também rs.

-Caralho, assim eu não aguento. Eu também quero muito sentir você molhando ele todinho. Claro que não vou perder a vontade! Só se você perder.

-Vou chupar ele bem babado. Você terá que se controlar para não gozar na minha boca. Eu não irei perder a vontade também, quem gozou aqui foi você, eu não. Então estarei na vontade. – Continuei correspondendo toda animada.

-Nossa, não faz isso comigo. Fica me prometendo e depois some. – Pelo jeito fazem isso com ele com frequência rs. – Quero você cuspindo nele até escorrer e me engolindo.  – Me surpreendi que ele ainda tivesse no pique de falar putaria mesmo depois de já ter gozado.

-Safada delícia você. Vai me deixar louco.

-Olhando pra essa sua carinha também não imaginei que fosse tão safado. Vai dormir agora depois da gozada? – Tentei finalizar a conversa.

-Muito menos eu, você com essa carinha de ingênua.

-Nunca ouviu dizer que as santinhas são as piores? Rs.

-Quero gozar e dormir com ele dentro de você.

-Não fala isso que quem ficará louca sou eu. Dormir de conchinha com ele dentro? E recomeçar no meio da noite? – Resolvi deixar ele feliz entrando ainda mais na brincadeira.

-Sim, todo gozado e ela escorrendo minha porra. – Ele não ia dormir não??

-Safado. Vou querer sentir bem quentinho.

-Assim mesmo! Safada. Vou te esperar amanhã hein.

-Vamos combinar, quero muito ir. Sentir você de verdade. Vou assistir a série agora. – Tentei finalizar a conversa mais uma vez.

-Então vem amanhã, pra mim já está mais do que certo.

-Precisa me passar seu endereço depois.

-Até amanhã hein, não foge. – E já me enviou seu endereço. – Boa noite delícia.

-Não fugirei, se não der certo amanhã – que eu já sabia que não ia dar – até o final dessa semana combinaremos com certeza – sem ter tanta certeza assim rs -, seu vídeo me deixou com muita vontade. Quero sentir você.

-Eu também! Pense nele que você vai conseguir vir amanhã hahaha.

-E sonha comigo esquentando a sua cama. Um beijo.

-Fui, delícia.

E encerramos a conversa exatamente a uma e quarenta e nove da madrugada.

Pensei em desfazer o match e bloquear seu contato. O achei muito tarado. E todo aquele papo de gozar dentro e escorrer? Não me pareceu alguém preocupado em preservar a própria saúde. E se eu fosse uma estranha com AIDS? Claro que ele dizendo todas aquelas coisas não queria dizer que pessoalmente seria exatamente daquele jeito, mas sei lá, não me inspirou confiança. Não levou nem alguns dias de conversa para chegar naquele nível de intimidade. Enfim…

Desfiz o match? Bloqueei?

Não. 😬

E às 09:26 da manhã seguinte, recebi a mensagem de bom dia dele:

-Minha delícia, bom dia.

Respondi com uma figurinha de “Bom dia”.

-Nossa, acordei querendo você com força. Deixa eu te ver meu tesão? – Logo cedo, gente??!

-Não rs.

Uma hora depois ele puxou assunto de novo:

-O que está fazendo de bom aí?

Respondi meia hora depois:

-Trabalhando e você? – Não necessariamente, mas quis mostrar que estava ocupada fazendo algo útil e produtivo.

-Eu também. O que você faz? – Até que enfim uma pergunta que não envolvesse sexo.

-Sou jornalista. E você? – Como sempre não entrei em muitos detalhes.

-Legal. Eu sou designer, trabalho numa produtora de filmes publicitários na parte de computação gráfica.

-Já temos um pezinho ali na comunicação rs.

-Sim. Meu, tô com muito tesão de pensar em você. – Quando eu penso que o assunto vai tomar um caminho diferente, ele trás de novo para a putaria! Fiquei sem paciência…

-Não te atrapalha ficar pensando em sexo tendo que trabalhar? – Nem eu que trabalho com sexo não sou tão tarada assim! 😅

-Não. De tarde te mostro ele no banheiro. Quer?

Eis que cheguei no meu limite e dei um chega pra lá no taradinho.

-Acho que te passei uma ideia errada sobre mim. Curto falar putaria, mas não o tempo inteiro assim. Então não.

-Calma. Só achei que vc também estivesse na mesma vibe. – Em pleno horário de almoço?? Só se eu estivesse num motel sendo chupada por algum cliente – Não vou mandar não. Você vai me ver de noite? – Olha ele querendo ter certeza que não estava tudo perdido rs.

-Não sei se consigo hoje. Como te disse ontem, hoje meu dia está meio complicado.

-Entendo. Se você conseguir me fala, tá?

-Claro.

Chega a ser cansativo uma pessoa tão sexual desse jeito. Não vou mentir que em algum momento da nossa conversa na noite anterior eu não tenha ficado excitada e com tesão em dar pra ele. Gosto de homens tarados, eu também tenho meu lado tarada, mas tudo tem seu momento né? Falar de sexo A TODO MOMENTO é um pouco demais.

Bom… se vou transar com ele em alguma oportunidade que venha a surgir, sinceramente não sei. Quem sabe num dia em que eu estiver com muito tesão e, por acaso, não houver nenhum cliente agendado para poder saciar a vontade unindo o útil  ao agradável. 😏 Se rolar, lhes contarei se ele foi tudo isso pessoalmente também nos próximos capítulos…