Cliente 42 – “O Confiável”

Nunca saí com esse cliente antes, nem era indicação da Alice, mas confiei que me pegasse de carro no Butantã. Há certas pessoas que não tem como explicar, o sentimento de confiança é imediato, isso é difícil acontecer, pois sou muito desconfiada e já ouvi muitas histórias ruins sobre garotas que se deram muito mal numa dessa, mas eu confiei nele. Claro que no começo eu relutei um pouco, mas quando ele precisou desmarcar e me ligou para se desculpar e já marcar uma nova data, ouvir sua voz e seu comprometimento, me deu a certeza que poderia confiar. Sendo assim, nos encontramos no metrô Butantã e ele me levou em um motel ali próximo. Bonito, grisalho charmoso, simpático, super do bem, gostei muito! 😛 No caminho até o motel conversamos bastante e ele dizia frases como: “finalmente conseguimos nos conhecer” (tínhamos agendado no dia 26 de março) e elogiou minha naturalidade pois segundo suas palavras dava pra perceber que comigo não era nada forçado, dessas que ficam chamando o cliente de “anjo” (realmente não faço nada disso) ele pontuou. A recíproca foi verdadeira pois ele também era muito natural, mais um quarentão gostoso que eu adorei conhecer e atender! 😛

Quarto 53. Ao entrarmos não teve nada de afobação, ele primeiramente me pediu que por gentileza tirasse o batom, pois mesmo que eu ficasse linda usando, ele não poderia arriscar chegar em casa com esse tipo de marca (não que não fôssemos tomar banho depois, mas realmente todo cuidado era pouco), sendo assim fui tirar com papel enquanto ele se despia calmamente. Quando retornei ele se encontrava sem as calças e quase sem camisa. Começamos a nos beijar e ele me fazia muitos elogios, muito gostoso quando o cliente realmente curte o biotipo. Enquanto me beijava ambos ainda de pé, ele foi abrindo meu vestido e me deixou somente de lingerie e salto. Sentou na beirada da cama, me trouxe para sua frente e começou a me beijar deliciosamente no pescoço, até que com delicadeza tirou meu sutiã e ficou um bom tempo chupando meus seios, ai que delícia! Ele chupava com tanto jeitinho que me deixou toda mole rs. Quando interrompeu, meus seios já estavam bem vermelhos (o que a princípio me assustou) achei até que fosse alergia do meu creme novo, mas depois percebi que foi pela sua barba que estava crescendo rs. Nessa pausa ele disse que ia tomar um banho e me chamou para acompanhá-lo, aceitei. No banho ele veio por trás de mim e começou a me ensaboar com muita delicadeza, ai que delícia!! Passou o sabonete nas minhas partes íntimas, sempre com muito cuidado e delicadeza, gostei demais! 🙂  Depois, nus fomos para a cama e começamos a nos beijar novamente. O chupei por um tempo (tinha um pau muito gostoso) até que resolvemos transar. Ele veio por cima em um delicioso papai e mamãe! Meteu gostoso por um tempo razoável, até que acabou gozando nessa mesma posição. Depois ele foi lavar o pau enquanto eu o aguardei deitada na cama. Voltou, deitou exaustamente ao meu lado e começamos a conversar. Ele falou de si e também perguntou coisas (nada muito evasivo) sobre mim. Após alguns minutos de conversa ele foi se empolgando novamente e inesperadamente começou a me chupar! Nossa que delícia! Chupava com exatidão e eu que já estava relaxada pela transa que tivemos anteriormente, acabei gozando e ficando mais relaxada ainda! Ficamos alguns minutos deitados sem fazer nada, com ele deitado no meio das minhas pernas mexendo na minha bocetinha e eu em êxtase após gozar. Depois eu voltei a chupá-lo, e ele disse que dessa vez queria me pegar de quatro! (Huuuummm). Então começamos comigo por cima, até que depois trocamos de posição. Que delícia!! Não sei nem como consegui gozar de novo, pois ainda não havia me recuperado totalmente do último orgasmo, mas enquanto ele me comia de quatro comecei a me masturbar e gozei pela segunda vez! 😛 Após eu gozar ele ainda meteu por mais um tempo, até que acelerou e gozou também! Após isso, fomos para o banho e depois já fomos nos vestindo, tudo aconteceu no ritmo certo, nada de sexo fora do comum com pedidos inusitados, foi tudo completamente normal e tradicional, gostei mesmo! Ao me levar de volta, precisou me deixar um quarteirão antes do metrô, devido ao trajeto, pois se fosse me levar até a porta da estação perderia muito tempo no retorno, então compreendi suas razões e não me chateei por isso. Gostei demaaais! 🙂

Um comentário em “Cliente 42 – “O Confiável”

Deixe uma resposta

You have to agree to the comment policy.