Cliente 220 – “O Singular”

Seu primeiro contato foi em setembro do ano passado. Chegamos a agendar na época, mas bem no dia do encontro, ele desmarcou (tudo que eu detesto). Daí em março deste ano, ele agendou novamente e… adivinhem? Outra vez desmarcou no dia, algumas horas antes! Cheguei no meu limite da paciência e o bloqueei. 😒 Esse encontro nem iria acontecer, mas reconsiderei, apenas porque ele saiu com a Sara Santana e pediu que ela falasse comigo. E é justamente ele, o tal cliente que fiz a inversão que postei há alguns dias no Twitter! 👀

Quando ele fez o pedido por mensagem, algumas horas antes de eu sair de casa, aceitei, mas já deixei avisado que como nunca tinha feito, sequer possuía a cinta caralho, e o máximo que poderia levar era um pinto de borracha que possuo. Como ele não fez objeções, achei que a ausência da cinta não faria diferença, mas assim que entrei no quarto, ele sugeriu de comprarmos o item completo no próprio hotel, que vendia alguns brinquedos sexuais também. Fiquei um pouco apreensiva, na dúvida de quem iria pagar – apesar de ser algo que me seria útil em outros atendimentos, preferia comprar num sex shop para ter mais opções e preços mais em conta -, mas não criei caso e acabei concordando. Então ele mesmo ligou e solicitou.

Quarto 164. Após falar com a recepção, se voltou para mim e então nos beijamos. Daí já foi passando a mão pela minha xana quando ainda estávamos de pé, e me masturbou com total habilidade, bem gostoso. Também passei a pegar no seu pau, e após abrir sua braguilha, retribui o mimo lá embaixo. 😏 Ficamos assim por um tempo (um masturbando o outro), até que ele falou que precisava tomar banho. O acompanhei e fiquei sentada na pia, me masturbando para ele enquanto se banhava. Eu estava usando uma meia fina que ganhei do cliente 133 (com uma abertura na parte íntima), então imaginem o quão sensual a cena foi hehe.

Ele começou a se masturbar enquanto me olhava durante o banho, e o acelerei para que terminasse logo. Mal terminou de se secar e já veio me beijar, posicionando seu corpo entre as minhas pernas. O plano era eu chupá-lo, mas a coisa estava tão quente que ele já quis transar! Foi as pressas até o quarto pegar o preservativo e o gel, que eu já havia deixado separado, e voltou para o banheiro, onde eu o aguardava. Encapou o menino e ficou brincando com ele na minha entrada. Aquilo estava tão excitante, que tive a minha primeira gozada antes mesmo dele penetrar, pois fiquei me masturbando todo esse tempo. Assim que gozei, ele entrou com o pau dentro de mim, e estocou por bastante tempo comigo naquela posição (sentada na pia, com as pernas abertas em volta do seu corpo).

Depois, quando pisei no chão para irmos para a cama, não aguentou esperar chegarmos no quarto, e já me encostou na parede do banheiro mesmo, estocando por mais um tempo comigo de pé. Ele não parava de repetir para eu não deixá-lo marcado (das minhas unhas) e também de falar que queria muito comer o meu “cuzito” (esqueci de mencionar que ele é colombiano 😅), e como, apesar das suas dedadas no meu cu, eu não estava afim de fazer anal, tentei tirar o meu da reta, e falei que ao invés de comer o meu, que tal ele dar o dele?! 😁 – Lembrei num momento oportuno que ele queria inversão! – E ele todo empolgado perguntou se eu queria, respondi que se ele quisesse, sim.

Fomos para o quarto e fizemos uma breve pausa para eu me equipar com o brinquedo. Usamos o pinto de borracha que eu havia levado (pois era mais fino), e o acoplei na cinta, substituindo o pinto original dela. Daí o encapei, passei o gel e peguei ele no frango assado. O masturbei ao mesmo tempo em que metia e ele pareceu curtir bastante.

A experiência para mim foi algo indiferente. Não senti nenhum prazer (até porquê não tenho pinto rs), mas também não senti nenhum sentimento ruim. Na verdade estava contente por satisfazê-lo, e se ele teve coragem de me pedir algo assim, é porque confiava em mim, antes mesmo de me conhecer.

Depois ele quis ficar de quatro, e me senti em papéis invertidos, foi engraçado! Rs. Ele dizia algumas safadezas, do tipo: se eu estava gozando de comer o cu dele, e apesar de não estar exatamente excitada, entrei na brincadeira rs. Depois ele disse que queria comer o meu buraquinho também (de novo essa história 🙄), mas falei que teria que se contentar somente com a xana. E teve uma hora que ele até rebateu: “Mas vc comeu o meu”, um argumento um tanto besta, pois como falei para ele na hora, se comi foi apenas porque ele pediu e não porque me causaria um tremendo prazer em fazer. 🙄

Daí ele colocou uma nova camisinha e me penetrou no papai e mamãe. Fez questão que eu continuasse com a cinta, mas depois de um tempo precisei tirar, pois conforme ele pressionava seu corpo sobre o meu, a borracha do pinto apertava minha barriga, me causando um grande desconforto.

Depois me colocou de lado e comecei a me masturbar, enquanto estocava de ladinho. Gozei pela segunda vez. Daí me conduziu para que eu ficasse em cima dele, de costas, e cavalguei assim por um tempo. Depois fiquei de frente, e após mais cavalgadas, me cansei e ele sugeriu fazermos uma pausa, explicando que deixava para gozar só no final, para aproveitar mais a transa. Sendo assim, uma pausa seria ideal, já que ele não gozaria tão cedo rs. Pediu água para nós e conversamos um pouco.

Após um tempo de conversa, voltamos aos beijos, e quando ia chupá-lo, pediu que eu não fizesse, pois o havia arranhado enquanto o punhetava (igual fiz com o Empenhado no relato anterior!! 😳) e poderia sair sangue. Pedi mil desculpas quando vi. Outra vez arranhei o pau de um cliente, aff! 😓

Daí voltei a beijá-lo e quando o dito cujo voltou a ficar no ponto, encapei e novamente fui por cima. Após algumas cavalgadas, quando ele estava prestes a gozar, se sentou e posteriormente me deitou, de modo que ele conduzisse, como se estivesse sentando por cima de mim, com seu pau entrando bem fundo. Foi muito gostoso e voltei a me masturbar na mesma hora! Ele acabou gozando antes, mas continuou estocando até eu gozar também. Delicioso! 😛

Depois descansamos um pouco, e então pedi a refeição e fui me banhar. Ele se banhou na sequência e foi embora enquanto eu comia. O encontro foi de 1:30 e melhor do que eu imaginava! Vamos ver se haverá repeteco!

Ps.: Ele pagou pela cinta, mas a deixou comigo. 😉

Deixe uma resposta

You have to agree to the comment policy.