Publicado em Clientes Desagradáveis

Cliente 260 – “O Rap10”

Quarto 175. Rapaz jovem e inexperiente com GPs. Mal entrei no quarto e já começou a me beijar, tive até que interrompê-lo para que primeiro fechasse a porta, para termos maior privacidade rs. Ao fechá-la, percebi que ficou parado no mesmo canto, esperando a continuação do beijo rs, porém, primeiro coloquei minha bolsa na mesa, tirei minha jaqueta e só então voltei para ele.

Depois o encaminhei para a cama, e antes que continuássemos, perguntei se ele tinha ido de casa ou do trabalho. Respondeu que do trabalho, então sugeri que tomasse um banho, e percebi que ele hesitou antes de concordar. Lhe mostrei onde ficavam as coisas (sabonete, toalha e etc) e o deixei a vontade, sozinho no banheiro. Seu banho foi muito rápido (aliás todos os que ele tomava eram literalmente ‘banho de gato’), me deixando na dúvida se estava lavando direito. 🤔

Quando retornou, engatamos um beijo e após certo tempo nos beijando, comecei a mexer no seu pau, masturbando de leve. Ao sentir que o menino estava mais duro, fui me preparando para chupar. Porém, quando interrompi o beijo e fui para baixo, tive uma grande surpresa: ele já tinha gozado! 😳 E gozado muito! 💦💦💦 Fiquei impressionada! Eu sequer tinha batido uma punheta pra valer.

Lhe ajudei a se limpar e então foi tomar um novo banho. Quando fui no banheiro lavar a mão, ao mesmo tempo em que ele entrava na ducha, reparei que o sabonete estava intacto (fechado no saquinho ainda) em cima da pia. Perguntei se ele não tinha usado no primeiro banho (óbvio que não, mas queria saber o motivo), e ele todo atônito respondeu que ACHAVA que não. 😒

Como uma pessoa não sabe se usou ou não um sabonete num banho de dois minutos atrás?! Não, ele não tinha usado, estava ali a prova do crime. E se eu o tivesse chupado nesse primeiro momento?! 😒 Vamos ter mais atenção com a higiene por favor! 🙏🏻

Quando retornou, chupou os meus seios e foi descendo para a minha xana. Sua chupada começou normal, mas conforme fui me empolgando e lhe dando alguns toques de como eu gostava, foi ficando cada vez melhor, e após um tempo consegui gozar.

Depois falei que era a minha vez, mas quando seu pau ficou à mostra, estava todo babado, e ele achou que já tivesse gozado de novo. Dei uma boa olhada e constatei que na verdade aquilo era só baba mesmo. Contudo, quando cheguei mais perto para cheirar, senti um leve cheiro de urina junto, o que me broxou de ir adiante. 😖

Mas também, o que eu poderia esperar de um cara que nem se preocupou em usar sabonete durante o banho? Cheiro de urina no pinto (pós-banho) é sinônimo de anos lavando mal lavado. E mesmo sabendo que outro banho naquele momento não resolveria, pedi que fosse. Enquanto isso pensava no que eu iria fazer.

Para variar ele não foi de imediato, continuamos nos beijando mais um pouco – ora ele chupava os meus seios, ora me beijava -, até que relutantemente foi se lavar outra vez. Quando retornou, voltamos aos beijos e então voltei a mexer no seu pau. Eu nem estava masturbando rápido, mas mesmo assim, certo momento me interrompeu, dando a entender que se eu continuasse já iria gozar novamente. 😯

Quando simulei que ia chupar (já pensando num plano B devido ao cheiro da urina continuar ali), vi toda aquela baba de novo e me aproveitei dela para dizer que babado daquele jeito eu não chupava sem camisinha (o que não era mentira).

Ele concordou, mas felizmente nem foi preciso, pois com mais alguns beijos e pouca punheta,  ele já gozou de novo. 😁 Daí ficamos trocando carícias por um tempo, até que ele foi se banhar e nisso olhei a hora e só faltava 10 minutos para o término (combinamos 1:30). Comentei com ele do tempo e já fui penteando meu cabelo para na sequência me vestir.

Quando ele voltou do banheiro, percebendo que meus movimentos eram de quem já estava dando aquilo por encerrado, perguntou se eu já ia me vestir. Respondi que sim, já que tínhamos pouco tempo e pelo visto não ia engrenar em 10 minutos algo que não engrenou em 1h20.

Percebi que ele não fez uma cara muito amigável, e para desencargo perguntei se por acaso queria fazer mais alguma coisa. Me respondeu que queria tentar a camisinha (em 10 minutos?! 😒). Daí perguntei se ele achava que daria tempo (não que eu ficasse cronometrando, mas não queria passar do tempo pois já estava tarde), e ele respondeu tranquilamente que não sabia, talvez sim, talvez não. 🙄

Sem muito ânimo, falei: “Vamos lá então“. Não iria negar isso a ele, afinal ainda tínhamos 10 minutos, né?! Pedi que se deitasse e comecei a masturbá-lo para que o menino ficasse mais duro. Daí para não ficar uma coisa mecânica, voltei a beijá-lo ao mesmo tempo, e adivinhem? Ele gozou em menos de um minuto de novo. 🙄 Se dando conta que aquela altura a camisinha seria só um sonho mesmo.

Depois começamos a nos vestir e conversamos durante esse tempo. Ele revelou que na verdade era virgem, que nunca tinha estado na intimidade com uma mulher e que nem era de gozar rápido daquele jeito, mas que também nunca tinha sido masturbado por outra pessoa. Ou seja, 23 anos de pura inexperiência. 😲 Saímos do quarto juntos e ainda me deu carona até determinada estação do metrô.

Eu jamais iria colocá-lo em desagradáveis por conta da sua rapidez, ou falta de bom senso com o tempo, afinal sempre fico até o último minuto e também não estou aqui para avaliar ninguém, apenas compartilhando experiências. Mas como já falei em outros relatos (do cliente Cascão principalmente), pinto com mal cheiro não dá, né?! 🤷🏼‍♀️

Autor:

Sou aquela moça bonita que se passar do seu lado na rua, você nunca imaginará que é uma acompanhante de luxo. Com uma aparência recatada e um jeitinho inocente, prezo pela discrição e o sigilo. Admirada por alguns e odiada por outros, essa sou eu, prazer Sara Müller! (Sim, com trema no U.)

6 comentários em “Cliente 260 – “O Rap10”

  1. Alguns sao duros na queda, quase tantricos, e outros sao rapidos demais! Acontece muito quando se é jovem, na proxima experiencia dele vai ser melhor, se fizer a higiene direitinho, amigo! Faz espuma na mao e passa que nao doi . Ou entao leva um sabonete liquido se vc nao gosta do sabonete do hotel, como o titio aqui faz. Ah e tem lencinho higienico tambem, que nao é coisa de mulher nao, viu?
    E essa menina que esteve com vc é muito gente fina, qualquer outra ja teria terminado bem antes! Parabens pela escolha. Hoje eu ouvi uma frase muito legal: quando eu ganho eu ganho, quando eu perco eu aprendo! Nao se sinta mal Eu perdi minha virgindade aos 21 anos e foi gostoso e depois so melhorou! Faz melhor quem faz mais!
    Nossa textao, to parecendo a dona do blog!

  2. Sara…eu sempre fiquei na dúvida se um cliente desagradável poderia se tornar um da categoria “clientes que gostei” já que o contrário já aconteceu…ou se uma vez na “clientes desagradáveis” é banido pra sempre

  3. Sara li a sua pergunta sobre carinho no toba…o tal do fio terra nunca fui fã e não é por frescura…eu já tomei várias dedadas pra saber que não é a minha praia…
    Agora o tal do beijo grego esse eu não gosto mesmo…quando a garota vem eu já falo na hora “Tá fazendo o que? Aqui é cabra macho…você tem exatamente 20 minutos pra tirar a língua daí” kkkkkk

  4. Esse negócio desse cidadão ir tomar banho de gato e não usar sabonete, principalmente pra lavar o “dito cujo” é inacreditável… Kralho!!! Só boto fé pq vc relatou isso aqui, senão eu não acreditaria…

Deixe uma resposta

You have to agree to the comment policy.