Cliente 358 – “O Astuto”

Combinamos no motel Astúrias e quando cheguei, ele já me aguardava na piscina (suíte 31), então, rapidamente me despi e me juntei a ele dentro da água. Homem de sotaque diferente, que revelou ser uma mistura de dois países latinos (não lembro os nomes agora). Gostei dele. Alegre, simpático e bem humorado. Trocávamos alguns selinhos entre uma conversa e outra, até que engatamos um beijo mais malicioso e daí ele começou a me masturbar, ao mesmo tempo em que eu lhe retribuía o prazer. ✊🏻

Essa foi a primeira vez que gozei sendo dedada. Mas isso ocorreu, pois, ao mesmo tempo em que ele introduzia seu dedo dentro de mim, a palma da sua mão tocava o meu clitóris, toda vez que ele ia com o dedo mais fundo. Então, o que me fez gozar mesmo, não foi exatamente a dedada, mas aquela habilidosa pressão clitoriana. Fenomenal. 😍

Toda hora ele interrompia a minha punheta subaquática, por estar quase gozando, mas, quando percebeu que eu também iria gozar nos seus dedos, se permitiu. 💦 Que belo começo de encontro hehe. Curtimos a água mais um pouquinho e em meia hora (contando desde o tempo que cheguei), saímos da piscina e fomos para o quarto.

Ele tomou uma rápida ducha e se juntou a mim na cama. Retomamos os beijos e dali a pouco desci para seu pau. Enquanto o chupava, ele disse que também queria me chupar, pedindo que eu sentasse no seu rosto (reciprocidade é tudo) hummmm. Após um tempo assim, voltei para seu pau na posição em que eu estava antes e não muito depois encapamos. Fui por cima e nem foi preciso trocarmos de posição, ele gozou sem muito esforço.

Na sequência já foi se banhar e começou a se vestir para ir embora, que já estava dando a nossa 1h. Foi embora antes de mim. Já eu, permaneci mais um tempinho na suíte, aproveitando para fazer umas fotinhos e vídeo para vocês. 😏👇🏻

Ahh… lhe apelidei de “Astuto” pois, enquanto estávamos na piscina, em determinado ponto da conversa, ele disse que estava fazendo tal coisa (também não me recordo agora o quê exatamente) para que eu relatasse bem dele depois no blog rsrs. Acho que foi pelas suas dicas de restaurantes ou algo assim (me recomendou o Entrecôte de Anquier). O achei Astuto por se planejar em dizer ou fazer algo, já pensando no que eu poderia escrever depois rs. Não que muitos outros também não tenham feito isso, mas ele foi sincero em expor haha.

Um comentário em “Cliente 358 – “O Astuto”

Deixe uma resposta

You have to agree to the comment policy.