Admirado

Cliente 145 – “O Admirado”

Esse cliente é do Rio de Janeiro, e por toda a sua educação nas mensagens, (e mais ainda por ter vindo do Rio só para me conhecer) abri uma super exceção em lhe atender num sábado (como sabem, costumo abrir esse tipo de exceção apenas para quem já é cliente). Felizmente não me decepcionei! O tratamento pessoalmente também foi muito bom, e digo com toda certeza, que ele também gostou muito de mim. 😊

Quarto 222. Eu não fazia a mínima ideia de como ele era (não tinha foto), e apenas torci para que não fosse nenhum ogro pessoalmente. Assim que abriu a porta, vi um coroa alto e muito bonito. O cumprimentei pelo nome, entrei, e fui direto para a mesa colocar minha bolsa. Quando me voltei para ele, ainda estava segurando a porta e não tinha respondido meu cumprimento, estava com uma cara de espanto. Achei que tivesse dito seu nome errado, e me alarmei: “Seu nome é Fulano, não é??”, daí ele confirmou, e justificou que estava apenas espantado com a minha beleza!  😂 Comecei a sorrir sem graça, agradecendo, e ele continuou elogiando. Me levou até o espelho, ficou me olhando enquanto me abraçava por trás, e repetia: “Hummm. Olha só pra isso. Meu Deus, mas é muito linda…” e eu, claro, achei tudo o máximo! Adoro quando o cliente se agrada bastante comigo. 🤗

Sara Müller

Ele gostava de me admirar, então não fez o tipo afobado querendo atacar, ele me olhava e ficava mexendo no seu pau, visivelmente excitado, como um legítimo voyeur. Tirou meu vestido, e ficou me olhando no espelho comigo só de lingerie e salto. Disse que meu biotipo era muito difícil de encontrar (bem magra), e perguntou se eu aceitaria tirar algumas fotos. Consenti, contanto que fossem com o meu celular, e falei que lhe enviaria depois. Ele concordou. E eis a origem de algumas fotos que postei no Twitter, durante essa semana. 😁

Sara Müller

As nossas preliminares foram mais comigo posando, ele olhando, se masturbando e tirando fotos de vez em quando. O que não foi de todo ruim, pois era mesmo muito excitante ver alguém pirar no meu corpo só de olhar. 😁 Quando tirou fotos comigo de quatro, disse que nunca tinha visto um buraquinho tão rosado. 🙈 Enfim comecei a chupá-lo!

Sara Müller

Ele me chupou também (frente e trás! 😱), e depois de muito tempo, resolvemos encapar! Me pegou no frango assado, e estocou por bastante tempo – Às vezes parava para tirar mais fotos -. Depois de quatro e por último de bruços. Todas essas posições foram demoradas, então imaginem como fiquei acabada! Rs. Eu já tinha gozado me masturbando, logo na primeira posição, já ele estava imbatível!  Falei que a última foi de bruços, mas não que ele tenha gozado rs, mas sim porque se cansou.

Sara Müller

Voltei a chupá-lo, depois encapamos de novo e fui por cima. Cavalguei por um tempo, mas não foi o suficiente para ele gozar. Seu pau voltou a amolecer e preferiu finalizar na punheta mesmo, enquanto me olhava.

O nosso encontro foi de 1:30, e a essa altura já estava no fim. Depois fui me banhar, e enquanto me vestia, pagou meu cachê. Surpreendentemente, ele me deu um extra pelas fotos! Disse que como a brincadeira não estava inclusa, iria me pagar por elas, mas suspeito que fez isso, principalmente, para que eu não deixasse de lhes enviar! Hahaha. Fui embora antes dele.

Durante a semana postei algumas fotos no Twitter, e me surpreendi com a sua mensagem (ele não sabia que eu também tiraria proveito das fotos rs):

WhatsApp img_8431

WhatsApp img_8432

Fico muito feliz quando há esse entendimento entre cliente e GP, ainda mais quando é espontâneo. Leitores do Rio, venham me conhecer também! 🤓