Cliente 88 – “O Cauteloso”

Ahhh como é bom voltar a atender!! <3 Parecia que estava atendendo pela primeira vez de novo, a princípio me senti tímida e sem jeito, mas acabou sendo uma delícia! Vamos ao TD! 😛

Quarto 233. Assim que ele abriu a porta, vi um homem alto, de toalha na cintura. Fiquei impressionada com a sua aparência, pois na foto do whats parecia ser bem mais velho (revelou ter 36 anos) e mais baixo (apesar da foto só mostrar o rosto, tive a impressão que fosse baixinho). Enquanto colocava minha bolsa na mesa, percebi que a TV estava ligada num canal pornô, e que o som também estava ligado (não me lembro ao certo, se estava sintonizado na Metropolitana ou Mix FM). Percebi também que ele estava meio cauteloso, achei até que talvez não tivesse gostado muito de mim, tentei beijá-lo, mas ele só me deu um selinho, perguntei se estava com medo de algo, sei lá, vai que a experiência fosse nova para ele, mas aí ele me revelou o porquê estava apreensivo, disse que estava com medo do meu batom! Rsrs. Perguntei se queria que eu tirasse, ao que ele confirmou. Fui até o banheiro e enquanto tirava com o papel, perguntei se era comprometido, apenas para confirmar, pois era óbvio que sim rs, como realmente era.

Voltei e me sentei ao seu lado, na cama. Queria começar logo, mas segurei a afobação e deixei que ele tomasse a iniciativa primeiro. Ele pousou sua mão na minha perna e disse que eu era linda (me deixando aliviada referente meu receio anterior rs), também acrescentou que minha pele era macia, enquanto alisava minha perna, fiquei contente com os elogios, e nessa hora nos beijamos. O beijo foi incrível, se encaixou muito bem, nesse momento foi como se quebrássemos algumas barreiras, a da timidez por exemplo, me sentei mais perto dele, e suas mãos ficaram mais rápidas pelo meu corpo. Depois demos uma pausa e ele perguntou se eu gostaria de apagar a luz, respondi que para mim não fazia diferença, mas mesmo assim ele se levantou para apagar. Aproveitei para tirar o sapato, depois voltei já subindo na cama, mas ele acabou me levantando de novo, pois queria tirar meu vestido.

Me senti uma criança sendo despida pelo pai rsrs, mas foi interessante, ele estava sentado na minha frente e eu de pé, perguntou se meu vestido tirava por cima ou por baixo, respondi que poderia ser dos dois jeitos, ele então tirou por baixo, depois meu sutiã e começou a chupar meus seios naquela mesma posição, comigo em pé na sua frente. Dos seios desceu para acima do umbigo, depois subiu para o pescoço, uma delícia, bem carinhoso! Enquanto ele fazia isso, fechei meus olhos e grudei nos seus cabelos. Depois fui descendo minha mão para seu pau (a essa altura ele já estava sem toalha), me abaixei para chupá-lo e mandei ver. Após pouco tempo o chupando, ele disse que queria se deitar, assim que se acomodou voltei a chupá-lo. Depois alternei com beijo na boca, e quando estava chupando seu pau pela segunda vez, determinado momento ele me pegou pela mão para que eu descesse da cama de novo, dessa vez queria tirar minha calcinha rs. Novamente enquanto me despia ficou beijando meu corpo e chupando meus seios, até soltou um novo elogio, que ali pessoalmente eu era muito melhor que nas fotos, novamente fiquei com  cara de boba com o elogio rs.

Depois que me despiu, começou a chupar minha xana comigo de pé, fiquei preocupada que ele fosse ficar com dor no pescoço, mas deixei que a troca de posição partisse dele. Não muito tempo depois, ele me deitou e engatou novamente a chupada, nossa que delícia! Ou ele chupava muito bem, ou era eu que estava muito tempo sem atender ninguém, pois gozei rapidinho!! Falei anestesiada que ele chupava muito bem, e ele respondeu que minha xana que era gostosa, hummmm. <3 Assim que gozei, voltei a chupá-lo, depois subi em cima dele e fiquei roçando minha xana no corpo do seu pau, ele adorou e da forma como ficou empolgado, me conduzindo pra lá e pra cá, até achei que fosse gozar daquele jeito rs, mas depois de um tempo ele disse que estava começando a assar, me pedindo que parasse. Aproveitei o momento para perguntar se podia já pegar a camisinha então, ele consentiu mas não começamos a transar desde já. Voltei a chupá-lo e teve um momento que até me atrapalhei, pois ele pediu que eu ficasse de quatro e achei que já íamos para os “finalmentes”, mas não, ele queria eu o chupasse de quatro, para ele ver pelo espelho hahahaha.

Na hora do “vamos ver” começamos comigo por cima, cavalguei por um tempo, depois fomos de ladinho, depois ele por cima, e a cada troca de posição me surpreendia com a disposição dele, geralmente os caras gozam na primeira ou segunda posição rsrs. Por último ele me comeu de quatro, e dei graças a Deus internamente por não ter marcado mais ninguém para depois, pois minha xana já estava ficando gasta com tanto entra e sai, não curto muito ficar colocando e tirando, quanto menos o pau escapa, melhor. De quatro então, umas duas vezes ele tirou o pau para arrumar a camisinha, compreendi o motivo, mas a cada nova entrada ia ficando mais desconfortável. Mas a transa em si foi muito boa! Ele gozou comigo de quatro após um tempo de metida, não pensem que foi rápido não! Rs. Ele todo preocupado me perguntou depois, se tinha me machucado em algum momento, e não, machucado jamais, mas realmente a xana já estava ficando cansadinha rs.

Ficamos pouco tempo deitados, pois ele disse que precisava ir embora, ainda tínhamos meia hora, mas mesmo assim ele disse que não poderia ficar mais, mas que tinha curtido bastante nosso encontro. Ele se banhou, depois eu, e fomos embora juntos até a recepção. Regressei com o pé direito! 😉

Deixe uma resposta

You have to agree to the comment policy.