Repeteco com o Carinhoso!

Quarto 55. Entrei, coloquei minha bolsa na mesa e carinhosamente me voltei para ele e começamos a nos beijar. Ficamos um tempo nos beijando daquela forma, ambos de pé dando uns amassos. Depois nos encaminhamos para a cama, mas antes de deitarmos tiramos os sapatos. Não me recordo o momento exato em que tiramos nossas roupas, é tudo tão automático que as vezes passa até despercebido. Depois que nos deitamos, ele me encheu de beijos e me chupou primeiro. Apesar dele estar chupando muito gostoso, eu não conseguia gozar, sabe quando está quase vindo mas não vem? Rs. Pedi que começasse a me dedar também pra ver se assim eu gozava logo, ficou ainda mais gostoso mas ainda assim eu não conseguia chegar lá! (Mas que droga! Rs). Para não judiá-lo muito, o puxei para cima pois já devia estar cansado de chupar e voltamos aos beijos. Ele não satisfeito que eu não tivesse gozado, começou a me masturbar daquele jeito gostoso com a mão inteira, igual da outra vez! Delícia! Eu também comecei a masturbá-lo e novamente quase gozei mas o orgasmo vinha e voltava rs. Após um tempo assim, pedi que me deixasse chupá-lo e eu que já estava super excitada masturbei a mim mesma enquanto o chupava! Puta que pariu como estava gostoso! Assim que gozei com o seu pau na minha boca, subi até a sua e comecei a beijá-lo loucamente pedindo que me comesse, eu estava doida de tesão e queria senti-lo logo dentro de mim! Ele aceitou e após mais alguns beijos, me levantei para pegar a camisinha. Voltei e começamos comigo por cima. Dei umas boas estocadas, até que ele trocou a posição e veio por cima de mim. Nossa como eu gosto de ppmm! E ele também pois após eu dizer algumas besteirinhas enquanto me comia gostoso, gozou deliciosamente! Hummm. Foi tomar um banho depois, e eu também logo em seguida. Voltamos e novamente comecei a te chupar. Ele disse que talvez não conseguiria transar novamente, mas após eu esfregar o corpo do seu pau na minha xana, ele disse: “quero te comer”, adorei ouvi-lo dizer aquilo daquela maneira tão sexy e animadamente peguei outra camisinha. Entretanto quando o empacotei e fui sentar nele, seu pau foi amolecendo gradativamente. 🙁 Brinquei com ele: “você disse que queria me comer rs” ele acabou rindo e infelizmente não deu certo uma nova transa rs. Sendo assim tirei a camisinha e me deitei ao seu lado e ficamos só nos beijos e nos abraços. Ele era bastante carinhoso e deu pra notar que não era somente putaria que ele curtia. Ficamos um bom tempo abraçados como um casal de namorados, até que em certo momento o lembrei que precisava ir. Enquanto nos beijávamos a saideira, ele começou a discretamente esfregar sua perna na minha, brinquei com ele que não adiantava me seduzir com aquela perna pois eu precisava mesmo ir rs, ele riu da forma brincalhona como falei e me libertou. Tomamos mais um banho e dialogamos enquanto nos vestiamos. Ele gentilmente me ofereceu uma carona até a estação, que eu agradecidamente aceitei! 😉

A única coisa que detestei no final e preciso desabafar aqui foi a atitude medíocre do recepcionista ao devolver os documentos! O infeliz só faltou esfregar meu RG na cara do cliente! E fez de propósito sem sombra de dúvida, pois ele não devolveu os dois documentos de uma vez, colocou no balcão primeiro o meu na direção do cliente ao invés de entregar diretamente pra mim, sendo que a foto estava virada para cima e via-se nitidamente que se tratava do MEU documento, e quando fez isso me olhou com uma cara de babaca como se estivesse me desafiando, ridículo! O olhei de volta com um olhar carregado de frieza e desprezo. Pra quê essa atitude desnecessária?! Ainda bem que meu cliente era repeteco e super do bem, acredito que nem olhou nada. Por fim, como prometido me deixou na estação mais próxima, mais uma vez adorei sair com ele! 🙂

Deixe uma resposta

You have to agree to the comment policy.