Publicado em Clientes Que Gostei!

Cliente 346 – “O Ambíguo”

Em um primeiro contato, ele propôs de apenas jantarmos. Me contatou quando eu  não estava podendo atender (uma soma de menstruação com TCC) e até chegamos a marcar o tal jantar (salientando que não seria de graça e rolaria cachê), mas, desmarquei por motivo de força maior. Daí passado mais alguns dias, acabamos agendando um encontro normal, mesmo depois de eu ter postado este comunicado, informando que eu faria uma pausa para focar em outras atividades. (A propósito, retomarei as atividades na segunda quinzena de janeiro!! 😏)

Como ele estava tentando sair comigo há um bom tempo e eu também estava curiosa para conhecê-lo (afinal, não é todo mundo que está disposto a pagar por apenas um jantar na sua companhia), agendei, independente da minha pausa.

O atendi no flat em que ele estava hospedado, nas proximidades da Av. Paulista. Apto 76. Conversamos um pouco a princípio, trocamos alguns beijos intercalados com conversa, até que ele se levantou para pegar alguma coisa e ao voltar ficou parado na minha frente. Conversando de maneira sensual, como se estivesse esperando que eu tomasse alguma iniciativa estando com o seu pau – ainda dentro da calça – na altura do meu rosto.

Como sou uma garota esperta e perceptiva, foi o que fiz e aos poucos comecei a alisá-lo. Depois o despi e o chupei daquele jeito: eu sentada no sofá com as pernas abertas e ele em pé no meio delas com seu pau na minha direção. Após algum tempo de oral, voltamos a nos beijar e me levantei. Daí ele me despiu também (fui vestida de calça jeans e blusinha, bem casual conforme ele preferiu) chupou os meios seios, mas não avançou para a minha menina. Na verdade, permaneci de calcinha durante todo o tempo do encontro. Eu havia lhe avisado que estava com alguns pelinhos pubianos, então talvez seja por isso que ele não se interessou em dar uma conferida rs.

Quando estávamos nos direcionando para o quarto, ele perguntou como eu gostaria de ser comida e mediante a sua pergunta, lembrei de voltar para a sala e pegar os preservativos na minha bolsa, que estranhamente foram inúteis, já que sequer transamos. (Fico confusa com esses caras que perguntam da posição sexual, se depois sequer demonstram interesse em ir para os finalmentes rs). Após mais alguns amassos de pé, ele precisou voltar na sala para fazer não sei o quê e quando voltou para o quarto, veio cambaleando na minha direção, achei bastante estranho.

Voltei a chupá-lo com ele de pé e antes que eu engrenasse na chupada pra valer, me levou para a frente de um espelho, pois queria me olhar por outros ângulos enquanto eu fazia. Após um tempo lhe chupando ajoelhada, o encaminhei para a cama, se deitou e continuei mandando ver no oral, por vezes substituindo pela minha mão, quando percebia alguns indícios que ele estava prestes a gozar.

Enfim ele acabou gozando, lavei minhas mãos, limpei sua barriga e me deitei ao seu lado. Lhe fiz algumas carícias enquanto conversávamos (que sinceramente não sei se ele curtiu ou se me achou amorzinho demais, já que não retribuiu) e então ele pediu indicações de meninas para fazer uma “festinha”. Mostrei algumas que eu seguia no Twitter e o encontro foi minguando.

Achei que rolaria uma transa de verdade depois da pausa, ainda tínhamos 60 minutos pela frente (combinamos 2h), mas ele disse que não aguentaria “performar” mais, atribuindo seu cansaço a idade (tinha quarenta e poucos anos). Concordei tranquilamente que finalizássemos antes e até ofereci que ele me acertasse apenas o equivalente a uma hora que ficamos, mas ele foi bacana e disse que combinado era combinado. Fiquei um pouco na dúvida se ele realmente tinha gostado de mim, pois eu no lugar dele teria aproveitado ao máximo a companhia de uma pessoa que há tempos tentava encontrar.

Autor:

Sou aquela moça bonita que se passar do seu lado na rua, você nunca imaginará que é uma acompanhante de luxo. Com uma aparência recatada e um jeitinho inocente, prezo pela discrição e o sigilo. Admirada por alguns e odiada por outros, essa sou eu, prazer Sara Müller! (Sim, com trema no U.)

Deixe uma resposta

You have to agree to the comment policy.