Receoso

Repeteco com o Receoso!

Quarto 156. Nosso encontro seguiu a mesma linha dos encontros anteriores. Começamos a nos beijar assim que entrei, ainda perto da porta e demorou para que fôssemos para a cama, pois ele preferiu continuar com a sessão de beijos ainda de pé. Aos poucos tirou sua cueca, depois minha calcinha, e ficou roçando o corpo do seu pau na minha pepeka. Ficamos assim por um tempo, até que cansei de ficar em pé e sugeri de irmos para a cama. 😏

Continuamos com os amassos deitados, revezando comigo o chupando. Determinado momento não me aguentei, e acabei gozando enquanto roçava aquele pau gostoso no meu clitóris. 😁 O chupei mais um pouco depois, até que encapamos!

A transa, apesar de um pouco demorada, não teve grandes novidades (o que não quer dizer que não tenha sido bom). Fui por cima e cavalguei até ele gozar, nem foi preciso trocarmos de posição. Depois pedimos refeição e fomos nos banhar. O encontro foi de 1:30 e já estava no fim. Almoçamos calmamente enquanto conversávamos e depois fomos embora juntos até a recepção. E foi esse encontro, que ele teve a gentileza de relatar no fórum Gpguia, conforme post abaixo. 😁

Meu Décimo Quarto Relato!

Peculiar

Cliente 146 – “O Peculiar”

Confesso que fiquei um pouco ressabiada em atender esse cliente, pois pelas suas mensagens me pareceu um tanto chato rs. No primeiro contato, após agendarmos, já me enviou três fotos de rosto (uma só não bastava?), perguntando se eu “aprovava a amostra inicial”. 🙄 Cuja pergunta deixei no vácuo, pois se eu respondesse que “sim”, ficaria se achando; e se eu dissesse que “não”, automaticamente criaria um clima chato rs. Então, fica a dica: nunca façam esse tipo de pergunta, é desnecessária e inconveniente. O cara sendo bonito ou não, não faz a menor diferença para mim, pois afinal, ele está pagando. 😉

Para variar, alguns dias depois, ele me contatou para reconfirmar o encontro e novamente me enviou as mesmas fotos. 🙄 Como sou bastante sincera quando algo me desagrada, fiz questão de questionar o porquê estava me enviando aquelas fotos de novo. 😒 E daí ele se desculpou, dizendo que apagava as conversas e que não lembrava de ter me enviado. 🙄😂

Outra coisa que também contribuiu muito para que eu o achasse um chato, foram suas insistentes ligações, sendo que eu já tinha avisado que não atendia ligações. 😒 Ele via que eu as recusava, e ainda assim continuava ligando consecutivamente! Que coisa chata! Quase o bloqueei em diversos momentos rs. Mas felizmente o resultado foi satisfatório! 😊

Quarto 178. Ele tinha pegado uma das melhores acomodações, teve o capricho de deixar a iluminação numa penumbra interessante, música de fundo (sintonizado na Alfa FM se não me engano 🤔), além de colocar vela perfumada ao lado da banheira. Ó! Me surpreendeu. 😌

Durante a conversa inicial, ele mesmo reconheceu que eu deveria tê-lo achado um chato pelas mensagens, e acrescentou que esse tipo de contato, não é fiel a real característica das pessoas. Ahh, esqueci de falar que ele ainda levou vinho para nós (e teve o cuidado de abrir a garrafa só quando eu cheguei, para que eu não pensasse que colocou algo na bebida rs). O vinho era seco, justo o que não gosto rs (mil vezes suave), mas bebi, não com a mesma “sede” que ele rs.

Após um tempo conversando e bebendo (no meu caso dando pequenas goladas), começamos a nos beijar. Aos poucos foi se deitando por cima de mim, e os amassos se seguiram. Ele tinha um jeito peculiar de passar sua boca em mim, que achei muito estranho rs. Ele não beijava meu pescoço ou rosto, como os demais costumam fazer, ele passava o dente, como se estivesse me arranhando com eles, achei sinistro e me incomodou um pouco, mas não falei nada, contanto que não fosse além e não me machucasse, não cortaria seu barato. 😅

Quando começamos a nos despir, antes de tirar sua calça, teve o cuidado de me explicar sobre outra peculiaridade, que se realmente não fosse explicada previamente, contribuiria para que eu o achasse ainda mais estranho rs. Ao invés de cueca, ele vestia uma sunga!! 🤔😂 Não revelarei seus motivos, mas confesso que foi engraçado rs.

Depois de mais amassos, desci para chupá-lo. Me deliciei por um tempo, depois voltei a beijá-lo e roçamos um pouco. Depois ele disse que também ia me chupar, e então me deitei. Novamente ele me surpreendeu, pois começou pelos meus pés. Beijou e chupou cada dedinho, sem a menor pressa, o que sem sombra de dúvida foi muito gostoso! 😛

Depois se empenhou na minha xana. Chupava gostoso, mas não cheguei a gozar nessa hora. Na verdade, fiquei um pouco assustada enquanto ele estava com a boca nela, pois grunhia, o que me fazia sentir pressionada a gozar rs. Voltamos então aos amassos. O chupei mais uma vez, e depois fiquei roçando a cabeça do seu pau no meu clitóris, enquanto o masturbava. Gozei assim. 😏 Outra vez o chupei, até que pediu pela camisinha. Encapei e fui por cima.

Entrou com dificuldade, pois além de eu já ter gozado (por isso às vezes prefiro não gozar enquanto me chupam) também era grande e grosso. – Aliás, ultimamente tenho me dado conta, que com paus bem dotados, a melhor forma é com o cara vindo por cima, pois toda vez que eu vou por cima parece mais difícil de entrar. –  🤔 Ele ajudou enquanto eu cavalgava, conduzindo minha cintura. Não trocamos de posição e gozou após um tempo.

Se limpou e fomos para a hidro. Ficamos um tempão conversando e bebericando o vinho. Tanto que havíamos fechado 2h, e quando resolvemos voltar para a cama, só faltavam 10 minutos para o término! 😳 O jeito foi darmos uma rapidinha. Nos beijamos brevemente, roçou de leve, encapou e já colocou para dentro! Dessa vez por cima de mim. Novamente não foi preciso trocarmos de posição, e estocou até gozar.

Enquanto me banhava, falei para ele que o hotel oferecia refeição como cortesia, ele se interessou e pediu uma das minhas sugestões do cardápio. Como eu tinha compromissos depois, não pude almoçar com ele, e me retirei enquanto ele comia. O encontro superou todas as minhas expectativas! Ainda bem que deu certo! O repeteco provavelmente irá demorar (se ocorrer) pelo mesmo motivo dele estar de sunga rs. Mas ficarei na torcida! 😊

 

Como abordar uma GP

Olá! 🤗

Após muitas sugestões (muitas mesmo), a partir de hoje, apresento a vocês uma nova modalidade de post! 😁

Depois de “Cuidado ao abordar uma GP” – em que compartilho mensagens e situações desagradáveis sempre que ocorrem -, finalmente trago o oposto disso! 😊 O “Como abordar uma GP”! Onde publicarei todas aquelas mensagens e atitudes, que merecem ser aplaudidas! 👏🏻

Nesse ramo, sabemos que há muitos estúpidos e egoístas, interessados somente no bem estar de si próprio, que acreditam que só porque estão pagando, merecem ser tratados como rei, nos tratando feito lixo. Não é mesmo? E daí eu te pergunto: com todas essas inconveniências que muitas vezes são inevitáveis, porque não falar de coisas boas (além dos encontros bem sucedidos) também? 😏

Antes de tudo, gostaria de ressaltar que, não é porque criei essa temática só agora, que nunca tenha recebido mensagens que mereciam estar aqui também. Pelo contrário, já recebi diversas abordagens estupendas! 😍 No entanto, realmente só agora, tive o fôlego necessário para falar sobre isso, com a devida pompa! 😌

Então vamos lá!

Para estrear, gostaria de falar de determinado seguidor do Twitter, em que sua abordagem, desde o princípio foi muito sutil. Primeiramente teve a gentileza de elogiar os meus escritos aqui no blog, para só depois falar de vídeos e fotos. Claro que – e que isso fique bem claro – não é uma regra, e o cara não precisa me abordar seguindo isso à risca. Entendo que o mundo é dominado pela diversidade, e cada um tem o seu jeito de fazer as coisas. Porém, não vou ser hipócrita, é claro que uma abordagem menos afobada, é muito interessante e atraente. Por mais que eu saiba que o cara só me quer para sexo (e é para ser assim), é honroso não ser tratada só como uma garota de programa. Afinal, quem não gosta de se sentir especial?

Então ele se destacou comigo por isso. Mostrou ser um homem de conteúdo, e apesar de não ser de São Paulo, conseguiu manter um diálogo aleatório e cortês entre nós.

Entendam: Não distrato ninguém por perceber que não poderá sair comigo nos próximos dias; distrato quando além dessa questão, não sabe dialogar, não me trata direito, e só está mesmo interessado em testar a minha paciência.

Basicamente, o cara não precisa me direcionar vários elogios, tem os que fazem e os que não fazem, não é isso que me fará te tratar melhor ou pior (até porque os que elogiam demais e não dão nenhum entendimento de encontro futuro, nos passam a impressão de ser um espertalhão querendo conseguir algo de graça). O que você precisa ter como ponto de partida, é: Não banque o afobado, nem chegue falando vulgaridades igual um tarado obsessivo, dificilmente uma GP te verá com bons olhos, tendo uma atitude dessas. 😉

Mas então, continuando. Ele deixou claro desde o princípio que por não ser daqui, provavelmente só conseguiríamos agendar um encontro no ano que vem. (Transparência é tudo!) Entretanto, por algum motivo que desconheço (e não cabe a mim querer explicações), ele teve a oportunidade de vir esse mês, e agendamos para determinado dia.

Infelizmente, imprevistos aconteceram, e o encontro não poderá ocorrer nesse momento. É óbvio que nenhuma GP gosta que encontros sejam desmarcados (nem mesmo da nossa parte), mas sou bastante maleável, se o cara tem a decência de cancelar (pelo menos) um dia antes; cancelar no dia (principalmente poucas horas antes) ou dar um de esquecido, é a pior coisa que existe! Então, confesso que considerei totalmente louvável a sua atitude, mesmo que estivesse desmarcando:

Print torpedo

O desfecho foi o mais tranquilo possível, falei que não precisava porque ele estava desmarcando com uma antecedência de dias, o que me proporcionou marcar outro interessado em seu lugar.

Ele se propor a me pagar, mesmo que parcialmente, pelo possível dano a minha agenda, foi mesmo es-pe-ta-cu-lar! 👏🏻👏🏻👏🏻 Esse tipo de consideração é MUITO rara nesse ramo, ainda mais quando você sequer conhece a pessoa. Fiquei impressionada com o que li, e não poderia deixar de abordar isso aqui.

Meus parabéns pelo seu caráter! Por mais pessoas assim nesse mundo. 👏🏻

Empenhado

Repeteco com o Empenhado!

Nos encontramos na Barra Funda e seguimos para um motel da região. Começamos pela hidro, e ficamos um tempo conversando, dentro da banheira. Aos poucos começamos a nos beijar, e conforme foi ficando mais intenso, pulamos para a cama. Mas antes, ele molhou minha calcinha como nenhum homem tinha feito. Literalmente, a molhou quando estávamos saindo da água. A deixou cair na banheira, enquanto pegava nossas roupas! 😂 😒

Como a essa altura ele já estava bastante excitado, não perdemos tempo com preliminares, já encapou e veio por cima, no papai e mamãe. Comecei a me masturbar, mas só consegui gozar quando trocamos de posição. Para de quatro! 😈Após eu chegar no clímax, também fui por cima e cavalguei um pouco. Depois ele voltou a vir por cima, e bombeou até gozar. 😏

Fizemos uma rápida pausa, que foi o tempo suficiente dele se lavar e encapar de novo. Novamente veio por cima. Me masturbei outra vez e gozei até que rápido para uma segunda gozada rs. Depois retirei a camisinha e preferi continuar no oral. O chupei por um tempo, até que ele gozasse também.

Depois fomos nos banhar para ir embora. Dessa vez o encontro foi de duas horas, então o tempo passou rapidamente. Ao final me presenteou com uma linda blusa de manga jeans! 😊 Me levou de volta até o metrô.

 

Admirado

Cliente 145 – “O Admirado”

Esse cliente é do Rio de Janeiro, e por toda a sua educação nas mensagens, (e mais ainda por ter vindo do Rio só para me conhecer) abri uma super exceção em lhe atender num sábado (como sabem, costumo abrir esse tipo de exceção apenas para quem já é cliente). Felizmente não me decepcionei! O tratamento pessoalmente também foi muito bom, e digo com toda certeza, que ele também gostou muito de mim. 😊

Quarto 222. Eu não fazia a mínima ideia de como ele era (não tinha foto), e apenas torci para que não fosse nenhum ogro pessoalmente. Assim que abriu a porta, vi um coroa alto e muito bonito. O cumprimentei pelo nome, entrei, e fui direto para a mesa colocar minha bolsa. Quando me voltei para ele, ainda estava segurando a porta e não tinha respondido meu cumprimento, estava com uma cara de espanto. Achei que tivesse dito seu nome errado, e me alarmei: “Seu nome é Fulano, não é??”, daí ele confirmou, e justificou que estava apenas espantado com a minha beleza!  😂 Comecei a sorrir sem graça, agradecendo, e ele continuou elogiando. Me levou até o espelho, ficou me olhando enquanto me abraçava por trás, e repetia: “Hummm. Olha só pra isso. Meu Deus, mas é muito linda…” e eu, claro, achei tudo o máximo! Adoro quando o cliente se agrada bastante comigo. 🤗

Sara Müller

Ele gostava de me admirar, então não fez o tipo afobado querendo atacar, ele me olhava e ficava mexendo no seu pau, visivelmente excitado, como um legítimo voyeur. Tirou meu vestido, e ficou me olhando no espelho comigo só de lingerie e salto. Disse que meu biotipo era muito difícil de encontrar (bem magra), e perguntou se eu aceitaria tirar algumas fotos. Consenti, contanto que fossem com o meu celular, e falei que lhe enviaria depois. Ele concordou. E eis a origem de algumas fotos que postei no Twitter, durante essa semana. 😁

Sara Müller

As nossas preliminares foram mais comigo posando, ele olhando, se masturbando e tirando fotos de vez em quando. O que não foi de todo ruim, pois era mesmo muito excitante ver alguém pirar no meu corpo só de olhar. 😁 Quando tirou fotos comigo de quatro, disse que nunca tinha visto um buraquinho tão rosado. 🙈 Enfim comecei a chupá-lo!

Sara Müller

Ele me chupou também (frente e trás! 😱), e depois de muito tempo, resolvemos encapar! Me pegou no frango assado, e estocou por bastante tempo – Às vezes parava para tirar mais fotos -. Depois de quatro e por último de bruços. Todas essas posições foram demoradas, então imaginem como fiquei acabada! Rs. Eu já tinha gozado me masturbando, logo na primeira posição, já ele estava imbatível!  Falei que a última foi de bruços, mas não que ele tenha gozado rs, mas sim porque se cansou.

Sara Müller

Voltei a chupá-lo, depois encapamos de novo e fui por cima. Cavalguei por um tempo, mas não foi o suficiente para ele gozar. Seu pau voltou a amolecer e preferiu finalizar na punheta mesmo, enquanto me olhava.

O nosso encontro foi de 1:30, e a essa altura já estava no fim. Depois fui me banhar, e enquanto me vestia, pagou meu cachê. Surpreendentemente, ele me deu um extra pelas fotos! Disse que como a brincadeira não estava inclusa, iria me pagar por elas, mas suspeito que fez isso, principalmente, para que eu não deixasse de lhes enviar! Hahaha. Fui embora antes dele.

Durante a semana postei algumas fotos no Twitter, e me surpreendi com a sua mensagem (ele não sabia que eu também tiraria proveito das fotos rs):

WhatsApp img_8431

WhatsApp img_8432

Fico muito feliz quando há esse entendimento entre cliente e GP, ainda mais quando é espontâneo. Leitores do Rio, venham me conhecer também! 🤓

Cinéfilo

Cliente 144 – “O Cinéfilo”

Quarto 244. Entrei, acomodei minhas coisas e me sentei na cama. Conversamos um pouco primeiro, o que foi ótimo para quebrar o gelo. Ele era mais bonito que na foto, e teve o cuidado de não me receber completamente nu, vestia cueca e camisa de manga. Me contou que estava em São Paulo a trabalho e viajaria de volta após nosso encontro.

Finalmente começamos a nos beijar! Ele tinha bastante pegada e já passou suas mãos pelo meu corpo. Delícia! Fomos nos despindo aos poucos, e então nos deitamos. Após mais alguns beijos e amassos, ele tomou a iniciativa de me chupar, e não me decepcionou, chupou muitoooo bem!! Percebi que ele queria que eu gozasse, mas eu não queria gozar tão já, preferia gozar transando, então depois de um tempo, pedi que me deixasse chupar seu pau também.

O chupei bem caprichado por um tempo e depois fiquei roçando o corpo do seu pau na minha xana ensopada. Fiz isso por um tempo, ora chupando, ora roçando, até que ele quis me chupar de novo, e então fizemos um delicioso 69. 😋 Ficamos um bom tempo assim, e como podem imaginar, acabei não resistindo, gozei na sua boquinha gostosa. 😏

Continuamos no 69 mais um pouco, até que encapamos e fui por cima! 😛 Cavalguei por um tempo de frente para ele, até que me pediu para cavalgar de costas, encaixou nossas pernas de um jeito diferente, e me senti dançando funk, rebolando daquele jeito com o corpo inclinado para a frente rs. 😅 Depois me pediu para ficar de quatro, e bombeou bem gostoso, não resisti e comecei a me masturbar. 😈 Gozei de novo, pouco tempo depois. Ele gozou alguns minutos depois de mim. 😌

Depois ele foi se banhar, e o aguardei na cama. Ao voltar, não houve segundo round (ainda tínhamos vinte minutos), mas falei da refeição que estava inclusa, e ele se interessou. Ficamos conversando sobre filmes desde então, ele disse ser cinéfilo, e como também amo filmes, imaginem como o papo rendeu rs. 😛 Mesmo depois de almoçarmos, continuamos conversando sobre filmes, e o tempo já havia encerrado faz tempo (fechamos 1:30).

Eu estava tranquila com o horário, pois naquele dia não tinha mais ninguém, e acabaria indo mais cedo para a faculdade de qualquer maneira. Então relaxei durante o nosso papo. Um falava para o outro nomes de vários filmes, e as caras de espanto que ele fazia, quando eu revelava não ter assistido tal “clássico”, eram mesmo as melhores! Hahahaha. 😂

Depois fui me banhar, me arrumei, ele também começou a se vestir, e conversamos mais um pouco, até que por fim saímos do quarto. Ainda lhe fiz companhia na recepção, enquanto o Uber não chegava. Gostei demaaais de conhecê-lo!! Pena que provavelmente demore meses para voltar a São Paulo. 😔

Introvertido

Cliente 143 – “O Introvertido”

Quarto 214. Entrei, acomodei minhas coisas e começamos a nos beijar ainda de pé. Após um tempo, comecei a desabotoar sua camisa, e assim que terminei, pediu que eu tirasse a minha roupa também. Ao me deixar só de lingerie, se sentou na beirada da cama, e me pediu que sentasse em seu colo. O obedeci e mais beijos se seguiram. Depois pedi que ele se deitasse, me deitei por cima e continuei lhe beijando (à essa altura ele já estava só de cueca).

Depois fui descendo para seu pau, e tirei sua cueca. Comecei pelas bolas, e conforme fui subindo, senti um leve odor, daí lembrei que como cheguei muito rápido, ele sequer teve tempo de tomar um banho. Então nesse momento fizemos uma pequena pausa para que ele se banhasse. O aguardei na cama.

Quando retornou, já começou a beijar meus seios, e foi descendo pela minha barriga, me dando um verdadeiro banho de língua! Delicioso! Ficou bastante tempo passando a língua nessas duas regiões, até que aos poucos, bem lentamente para me provocar, foi descendo para a minha xaninha hehe. Ficou contornando minha calcinha com sua língua, sem a maior pressa, e aquilo me levou a loucura! Depois de um tempo, finalmente tirou minha calcinha, e então me chupou bem gostoso. Seu oral durou bastante tempo, mas não conseguiu me fazer gozar. Na verdade, gostei mais das suas chupadas nos meus seios do que lá embaixo propriamente. 😁

Depois foi a minha vez de chupá-lo e dessa vez estava tudo ok, nada como um pau limpinho. 😋 Também o chupei por bastante tempo, mas reparei que ele não demonstrava nenhum tipo de emoção enquanto eu o fazia. Ora olhava para mim, ora olhava para o teto, sempre em silêncio, o que me deixou na dúvida se estaria mesmo gostando.

Quando achei que fosse pedir para encapar, ele me surpreendeu, dizendo que estava com vontade de me chupar de novo, e ainda me perguntou se podia. Ele não precisava nem perguntar, é claro que podia!! Rsrs. Dessa vez me contorci bastante enquanto ele chupava, pois estava ficando cada vez mais com vontade de transar. 😈 Ele percebeu e perguntou se eu já queria. Voltei a chupá-lo mais um pouco, até que finalmente encapamos! 😊

Fui por cima e cavalguei por um tempo. Infelizmente nem transando ele não demonstrava nenhum tipo de emoção, o que tornou a transa bem silenciosa (eu gemia, mas meus gemidos não são escandalosos, são mais suspiros fortes rs). E como ele era tão silencioso, só fui perceber que já havia gozado, quando seu pau começou a amolecer. O que foi curioso, pois até eu ver que tinha porra na camisinha, já estava pensando que para ter amolecido, talvez ele não estivesse mesmo gostando rs. Mas ainda bem que estava enganada. Pausa. Nos banhamos e ao retornarmos para a cama, conversamos um pouco.

Depois ele voltou a me beijar, e novamente repetiu as preliminares da primeira transa, chupou meus seios e depois a xana. Também o chupei, e perguntei se queria dar mais uma (o tempo estava acabando, e seu pau estava meio mole enquanto eu chupava). Ele respondeu que sim, então tentei deixar o menino um pouco mais no ponto. Fiquei roçando o corpo do seu pau no meu clitóris e acabei gozando bem gostoso nessa hora! 😋 Daí o encapei e outra vez fui por cima, mas infelizmente a transa não durou muito, pois seu pau começou a amolecer de novo (e dessa vez ele não tinha gozado rs). Talvez ele estivesse se sentido pressionado pelo tempo estar acabando (havíamos fechado duas horas).

Quando viu que o dito cujo tinha amolecido de vez, para me consolar, falou que só uma transa já estava bom. Então nos banhamos novamente, nos vestimos e ele acabou saindo antes de mim. Gostei. Apesar de em muitos momentos ficar na dúvida se ele também estaria gostando. 🤔